O grande desafio deste projeto era o terreno íngreme da residência, localizada em um condomínio em Porto Alegre. Para isso foi necessário aterrar e nivelar a parte de trás do terreno, já que os cliente gostariam de uma área de contemplação da piscina e do jardim. As muitas espécies utilizadas, como capim azul , álamos piramidais, azaléias e jasmin amarelos, deram vida ao cinza, presente na fachada e no piso de paralelepípedo. Para garantir mais privacidade aos moradores, a piscina recebeu a proteção de uma mureta de lasca do mesmo granito do piso, onde foi plantada uma vasta floreira.O conjunto de espécies se mistura à paisagem do condomínio, um verdadeiro paraíso verde no meio da cidade. O capim azul traz movimento conforme a intensidade do vento e ainda protege a intimidade dos moradores. A mesma função tem o jasmim amarelo atrás das muretas da bela piscina.